segunda-feira, 1 de outubro de 2012

O mês de Outubro nunca foi um dos meus meses preferidos, no então também não é um mês que deteste particularmente. Todos os anos, este era o mês do inicio das minhas aulas, era o mês da esperança e o mês do recomeço, até ao ano passado. É o segundo ano que entro no mês de Outubro sem projectos á vista, a minha vidinha lá vai continuando na mesma, sem grandes perspectivas de mudança para melhor, muito pelo contrario, de modos que ando sem vontadinha de nada, nem mesmo de escrever seja o que for. As pequenas alegrias que (ainda) me vão acontecendo, não chegam para colmatar o vazio que os azares têm trazido até mim.

3 comentários:

asminhasquixotadas disse...

:(

Bid disse...

Pelo que tenho vindo a ler ao longo de todo este tempo (e apesar de parecer que já se prolonga há mais de um ano) consegues ter um sentido de humor fora do normal que faz que continue aqui a vir para te ler. Espero que melhore, que tenhas mais alegrias!

Marjane disse...

D*, querida, isso vai mudar. Continua a lutar e não percas a esperança. Sei bem o que é não ver a luz ao fundo do túnel... Beijo grande e abraço apertadinho