quarta-feira, 25 de março de 2009

E o que é que eu tenho com isso?

Mas será que sou eu que estou doida ou as pessoas andam todas com um parafusinho a menos? Bom a formiga aqui uns dias encomendou umas coisitas a uma conhecida marca de roupa por catalogo e pediu que fosse entregue num ponto, que dá a vantagem de poder la ir depois do trabalho. Assim, hoje a formiga pegou no postalinho que mandaram e toca de lá ir levantar as suas coisinhas. Até aqui tudo correu normal, o pior foi quando la cheguei...Ainda eu não tinha dito boa tarde a querida senhora (ironia, porque era uma antipática de primeira) estava a ralhar que isto assim não podia ser, que não estava para andar a procurar encomendas, que ela é que ia fazer uma reclamação a dita marca,enfim uma serie de desabafos para comigo e outra colega dela que visto, e perguntam vocês porque é que ela estava nestes prantos...vamos la estou a espera...ok...pois que a formiga também não sabe!!! Ao que parece a marca não escreve nos sacos qualquer coisa que a senhora achava por bem vir escrito e vai de descarregar a sua ira comigo...E com isto fiquei a pensar, mas sou eu que estou mal, ou o trabalho da senhora é mesmo aquele? É que a loja nem estava cheia...estava la eu, ela e a colega... nem estava a atolar de trabalho, e por incrivel que pareça e ao contrario do que a furia da senhora fazia prever, as encomendas que la estavam para entrega eram no maximo vinte..Fiquei sem palavras e ainda pensei que era coisa para tar a ser gravada ou assim, e acreditem que a minha cara devia ser a mais engraçada de sempre tamanho era o espanto perante tamanha personagem caricata...mas por breves segundos passou-me pela ideia dizer que não tenho a culpa das encomendas não virem conforme a vontade da senhora, ela está a ser paga para la estar portanto tem de atender e mais nada, e se não está bem mude-se, e só por causa disso da próxima vez que encomendar coisas vou pedir para ir la buscar outra vez, e ela vai ter de andar la a procura, contrariada, do meu nome em letras minúsculas...

2 comentários:

Carla disse...

É assim mesmo!!!! Rebela-te contra essa gente k axa k ter um trabalho ekivale a nao fazer nada!!! Ainda nao percebi, e ainda mais nos tempos k correm, pk é k as pessoas se keixam dos trabalhos, deem-se por felizes de ter um....Olha eu se tivesse, era uma pessoa mt feliz!!!!

Anónimo disse...

típico da função pública, se bem que neste caso acho que não era..ou de qualquer trabalhador assalariado com mais de 40 anos! querem ter um emprego e tal mas trabalhar é que não! para eles emprego e trabalho não têm de forma alguma de andar juntos! e depois queixam-se que cada vez há mais desemprego... olha se eu fosse empregadora de alguém assim é que nem mais uma semana ficava!